Tudo o que precisas de saber o jogo inaugural do Campeonato do Mundo de futebol 2018: Rússia vs Arábia Saudita está aqui! Estes são os 10 pontos fulcrais sobre este jogo que é considerado por muitos como o pior jogo de abertura de um mundial de sempre.

Prepara-te para ler o que nunca leste sobre um emocional Rússia vs Arábia Saudita. Aconselhamos o acompanhamento de um bom copo de Vodka

  1. O único encontro amigável entre as seleções da Rússia e da Arábia Saudita foi em outubro de 1993 (sauditas venceram por 4-2);
  2. Desde a separação da URSS, a Rússia nunca chegou aos oitavos de final de um Mundial de futebol acabando sempre no terceiro lugar no grupo em cada uma das três edições que participaram (1994, 2002, 2014);
  3. A França foi a última anfitriã de um Mundial a ganhar o troféu em 1998. Os anfitriões sempre chegaram à segunda fase da competição, com exceção para a África do Sul que 2010 foi eliminada na fase de grupos;
  4. A Rússia não vence há cinco jogos num Mundial de futebol. As duas únicas vitórias registadas nesta competição foram diante de equipas africanas: 6-1 vs Camarões em 1994 e 2-0 vs Tunísia em 2002.
  5. Esta é a quinta participação da Arábia Saudita em mundiais, a primeira desde 2006. Eles terminaram no último lugar do grupo nas últimas três presenças, sendo que 1994 obtiveram o melhor desempenho: oitavos de final – curiosamente foi a estreia nesta competição.
  6. Os sauditas não ganharam nenhum dos últimos 10 jogos em mundiais, perdendo oito deles. o último remonta à fase de grupos de 1994: 1-0 vs Bélgica, a 29 de junho de 1994.
  7. O primeiro jogo num mundial nunca correu bem para a Arábia Saudita: 1 empate e 3 derrotas
  8. Nos últimos 13 jogos, a Arábia Saudita só por uma vez não sofreu golos. Regressamos então a 1994 para a falar da vitória por 1 – 0 sobre a Bélgica. Eles também não conseguiram marcar em sete dos últimos nove jogos no torneio.
  9. Stanislav Cherchesov, atual selecionador nacional da Rússia, fez uma aparição enquanto jogador num Campeonato do Mundo – foi na vitória por 6 a 1 sobre os Camarões, a 28 de junho de 1994. Neste jogo, Oleg Salenko marcou cinco golos! Ainda hoje é um recorde em Mundiais de futebol.
  10. Juan Antonio Pizzi faz a estreia como treinador em Campeonatos do Mundo de futebol. Como jogador, ele fez apenas um jogo pela Espanha no Mundial da França, em 1998. A única experiência anterior enquanto selecionador nacional foi com o Chile – a quem levou as duas finais em dois torneios, mas com resultados distintos: vencedores da Copa América de 2016 e os finalistas vencidos na Taça das Confederações de 2017.