Com o afastamento da Juventus e do Barcelona, esta será a primeira vez que, desde 2005, Messi e Cristiano Ronaldo não marcam presença nos quartos de final da Liga dos Campeões.

Nós aqui na bet.pt adoramos histórias e curiosidades, daí que fomos à história ver o que estava a acontecer em 2005.

Será o início do fim de uma Era?

Para começar esta viagem no tempo, podemos dizer que neste ano nascia o Youtube.

Nos Óscares, o filme Aviador de Martin Scorsese ganhava 5.

Nos cinemas dos Estados Unidos era apresentado o filme Star Wars III.

A 2 de Abril falecia o Papa João Paulo II.

No amor, Angelina Jolie e Bradd Pitt apaixonavam-se durante as gravações de Mr. Mrs. Smith.

Blackberry era o melhor telemóvel da altura, e já tinha Wi-fi.

Portugal era representado no Festival Eurovisão da Canção com o tema “Amar”, cantada pelos 2B – uma banda formada pelo Luciana Abreu e Rui Drumond.

O Benfica com Trappatoni era o campeão nacional após 11 anos de jejum. Já Liedson era o melhor marcador do nosso campeonato.

Ainda no futebol, o Sporting, orientado por José Peseiro, chegava à final da Taça UEFA, que haveria de perder no seu estádio, diante do CSKA Moscovo.

Na Liga dos Campeões, era o Liverpool a ganhar o troféu numa final, jogada em Istambul, em que esteve a perder por 3-0 intervalo diante do AC Milão.

Para finalizar, os mais novos escreviam frases feitas por poetas e pensadores conhecidos nas sapatilhas.

Como podes ver, este foi o último ano que não tivemos Cristiano Ronaldo e Messi nos quartos de final da principal prova europeia de futebol.

Como sabes, a Juventus, onde joga o internacional português, foi eliminada pelo FC Porto enquanto que o Barcelona do argentino, caiu aos pés do PSG.

Referir ainda que em 2004/2005, Cristiano Ronaldo tinha 20 anos e jogava pelo Manchester United. Messi, então com 18 anos, dava os primeiros passos na principal equipa do Barcelona.