Wolverhampton tem mais jogadores portugueses que muitas equipas da Liga NOS (6)
Wolverhampton tem mais jogadores portugueses que muitas equipas da Liga NOS (6)

O Wolverhampton – a equipa mais portuguesa de Inglaterra -, vai jogar esta época na Premier League. São já 6 jogadores portugueses mais o 60 que está a caminho. Há ainda mais três “estrangeiros” que alinharam em clubes da Liga NOS na equipa principal. Na equipa de reservas contam-se mais dois portugueses. Conhece-os todos? A bet.pt mostra!

Nuno Espírito Santo, o treinador desta armada lusa
Nuno Espírito Santo, o treinador desta armada lusa

Para 2018/19, o objetivo é a permanência na Premier League, embora há quem sonhe com o que aconteceu com o Leicester! Sobre a armada lusa, vamos começar pelo treinador. Nuno Espírito Santo tem duas tarefas difíceis pela frente. A primeira é gerir as expectativas dos jogadores, direção e adeptos. Depois a outra, é manter a barba fofa e volumosa.

Rúben Neves é a estrela. Renovou até 2023, e depois de largar bombas nas balizas adversárias veremos como superar a exigência da Premier League. Diogo Jota é o abre-latas da equipa. Na última época, no Championship, fez 18 golos em 46 jogos. Ui! Este promete! Se mantiver os números, será que chega para ir à Seleção Nacional?

Rui Patrício, o São guardião! Após uma vida dedicada ao Sporting, tem uma aventura num dos melhores campeonatos do mundo – o inglês. A expectativa é boa, até porque falamos de um campeão europeu!

Ivan Cavaleiro tem velocidade e passe. Será que chega para a Premier League? Rúben Vinagre com apenas 19 anos, espera-se que não se amedronte quando chegar a altura de ser lançado às ferras! Hélder Costa vai para a terceira temporada no Wolverhampton. João Moutinho parece estar a caminho, aumentando assim a armada lusa no Wolves.

Mas há mais… Léo Bonatini, avançado que passou pelo Estoril, vai para a segunda época no Wolves. Na primeira fez 12 golos em 47 jogos. Depois há ainda o internacional mexicano, Raúl Jiménez. No Benfica teve 120 aparições e marcou por 31 vezes. E não esquecer o defesa central Boly, que em Portugal jogou no Braga e no FC Porto.

Na equipa de Reservas temos o médio Paulo Alves, proveniente do Liverpool, e o avançado – ex-Paços de Ferreira -, Boubacar Hanne. Com a situação ainda em dúvida, sem ficam ou rumam a outras paragens estão os médios Tomás Reimão e Pedro Gonçalves bem como o avançado, José Xavier.

Rumores de mercado!

André Silva e João Mário, ambos portugueses e internacionais com presença no Mundial 2018, estão a ser associados ao Wolverhampton embora haja a concorrência do Valencia e do Everton do Marco Silva. As experiências menos conseguidas em Milão poderão pesar na decisão de irem para um clube onde se possam sentir em casa.