Após falarmos de jogadores portugueses que passaram pela Bundesliga.

Chega a altura da bet.pt falar algumas lendas que passearam classe no futebol mundial.

Este texto é a primeira parte de uma serie sobre esta temática. Portanto fiquem atentos ao próximo capítulo aqui no blog da bet.pt.

Oliver Kahn

Oliver Kahn
Oliver Kahn

Este guarda-redes é inesquecível. Tanto pelas polémicas como pelas defesas. Para a história fica uma carreira construída a pulso que começou no Karlsruher SC (148 jogos).

No Bayern de Munique fez uns impressionantes 630 jogos tendo alcançado 86 internacionalizações.

Ao nível de títulos contamos 1 Europeu, 1 Liga dos Campeões, 1 Taça UEFA, 1 Taça Intercontinental, 8 Bundesliga, 6 Taças da Alemanha e 6 Supertaças.

Matthias Sammer

Atualmente tem as funções de conselheiro do Dortmund

Este carismático médio fez praticamente toda a carreira na Alemanha. Realizou meia-época no Inter de Milão, mas sem sucesso. Época 92/93 tendo feito 12 jogos e 4 golos.

Dynamo Dresden (45 jogos, 8 golos); Estugarda (66j e 21g) e Borussia Dortmund (144j e 21g).

Pela Alemanha alinhou em 51 ocasiões (14 golos) e quando o seu país tinha a designação de República Democrática Alemã fez ainda 23 jogos (6 golos).

Para além de uma bola de ouro, tem no cv uma Liga dos Campeões, um Europeu pela Alemanha, 3 Bundesligas e 2 Supertaças alemãs.

Oliver Bierhoff

Marcou o primeiro golo de ouro de sempre na final do Euro 96

Porque ninguém é profeta na sua terra, quis o destino que fosse em Itália que atingisse o reconhecimento.

Pela Alemanha ficou conhecido por ter marcado os dois golos que deram o triunfo à Alemanha na final com a República Checa no Europeu de 1996.

Para além deste título, venceu ainda o campeonato italiano com a camisola do Milão (98/99).

Passou ainda por clubes como o Hamburgo, Ascoli, Monaco, Chievo, RB Salzburg, entre outros.

Rudi Voller

Um cabelo de fazer inveja ao Rui Bandeira

Apelidado de “Dr. Jekyll e Mr. Hyde”. Ganhou um Mundial pela Alemanha, uma Champions e uma Supertaça em Itália.

Para além de Roma e Marselha, jogou também por Bayer Leverkusen, Werder Bremen entre outros.

Fritz Walter

O herói de Berna

357 golos em 364 jogos e dois campeonatos foi o resultado de toda a carreira que fez com a camisola do Kaiserslautern.

Somou 61 internacionalizações (33 golos) e Mundial pela Alemanha.

Franz Beckenbauer

Um vencedor nato!

Fez quase 600 jogos no Bayern de Munique. Mas também jogou no Hamburgo e no New York Cosmos.

Entre os títulos, destacamos 3 Ligas dos Campeões, Taça das Taças, Mundial, Intercontinental sem esquecer 5 Bundesligas e os campeonatos nos EUA.

Jürgen Klinsmann

Treina atualmente o Hertha

Para além do Estugarda ou Bayern de Munique também jogou em Itália, França e Inglaterra. Clubes como Inter, Mónaco ou Tottenham sem esquecer o OC Blue Star, na América.

Pela Alemanha conquistou a Europa e o Mundo.

Karl-Heinz Rummenigge

Que homem!

Jogava e fazia jogar. Pela Alemanha conquistou a Europa com passes e golos.

Bayern de Munique, Inter de Milão e Servette fazem parte da sua história.

No CV tem Ligas dos Campeões, Bundesligas, Taças da Alemanha, Intercontinental e o Euro germânico.

Ballack

Um criativo nato

Começou discretamente em clubes como Chemnitzer FC e Kaiserslautern até dar nas vistas no Bayer Leverkusen e numa final da Champions.

Transferiu-se para o Bayern de Munique. Rumou depois ao Chelsea para acabar a carreira em Leverkusen.

Conquistou 14 títulos. Entre eles há Bundesligas, Premier League, Taças em Inglaterra e Alemanha.

Gerd Muller

Bomber der Nation

Um goleador nato. 727 golos em 777 jogos são os impressionantes que resumem uma parte da carreira.

Teve passagens por Bayern Munique, TSV 1861 Nördlingen e Fort Lauderdale Strikers.

Na carreira de um dos mais emblemáticos jogadores alemães, há ainda 3 Champions, 4 Bundesligas sem esquecer um Mundial e um Europeu pela seleção da Alemanha.

E uma segunda parte sobre jogadores alemães?

Em breve voltaremos com uma segunda parte deste artigo a falar de jogadores alemães históricos.