São já vários jogadores, e de renome mundial, que foram treinados por dois dos melhores treinadores do mundo: Pep Guardiola e

José Mourinho

Jogadores treinador por Guardiola e Mourinho
Um momento de boa disposição entre Mourinho e Guardiola

A rivalidade entre eles acentuou-se em Espanha, com os clássicos entre Barcelona e Real Madrid. Mas em Terras de Sua Majestade arrefeceu um pouco, embora a vontade de ganhar de ambos os lados seja enorme.

Como já sabes que nós aqui na bet.pt adoramos boas histórias, e como tal revolvemos fazer uma lista de jogadores que foram treinados por estes dois treinadores.

Lista de jogadores

Pizarro

Claudio Pizarro chegou ao Chelsea de Mourinho na época 2007/09, onde não foi feliz. Fez 31 jogos e 2 golos. Entre 2013 e 2015, esteve no Bayern de Munique com Guardiola, onde os números foram um pouco melhores: 43 jogos e 12 golos.
Internacional peruano, acabou a carreira na época passada

Claudio Pizarro chegou ao Chelsea de Mourinho na época 2007/09, onde não foi feliz.

Fez 31 jogos e 2 golos. Entre 2013 e 2015, esteve no Bayern de Munique com Guardiola, onde os números foram um pouco melhores: 43 jogos e 12 golos.

Maxwell

Na época 2008/09, Maxwell estava no Inter e foi treinado por José Mourinho. Partiu depois para Espanha, onde foi comandado durante 2 épocas e meia por Guardiola (2009/10 até 2011/12).
Antigo lateral esquerdo

Na época 2008/09, Maxwell estava no Inter e foi treinado por José Mourinho. Partiu depois para Barcelona, onde foi comandado durante entre 2009 e 2012 por Guardiola.

Robben

O canhoto holandês Robben chegou ao Chelsea a pedido de Mourinho. Saíram praticamente na mesma altura, mas para destinos diferentes. Após Espanha, a gigante alemão Bayern de Munique, foi a paragem seguinte, onde se mantém até hoje. Nestas quase 10 épocas, foi treinado, entre outros, por Guardiola entre 2013 e 2016. E também há boas recordações.
Internacional holandês mantém uma ligação especial com o técnico luso

O canhoto holandês chegou ao Chelsea a pedido de Mourinho. Saíram praticamente na mesma altura, mas para destinos diferentes.

Após não ter sido feliz no Real Madrid, o Bayern de Munique foi a paragem seguinte. Nestas mais 10 épocas, foi treinado, entre outros, por Guardiola entre 2013 e 2016. E também há boas recordações.

De Bruyne

Kevin de Bruyne foi contratado pelo Chelsea em 2011, mas só em 2013 vestiu a camisola do emblema londrino. Incompatibilizou-se com Mourinho e o regresso à Alemanha, mas desta feita com as cores do Wolfsburgo foi o clube que se seguiu. O City viu e contratou. Agora, Guardiola treina-o e melhora-o a cada a dia que passa.
Brilha no Man City com Guardiola

Este internacional belga foi contratado pelo Chelsea em 2011, mas só em 2013 vestiu a camisola do emblema londrino.

Incompatibilizou-se com Mourinho e regressou à Alemanha, onde já havia jogado. Desta vez, vestiu a camisola do Wolfsburgo.

O Manchester City viu e contratou. Agora, Guardiola treina-o e melhora-o a cada a dia que passa.

Xavi Alonso

O internacional espanhol Xavi Alonso foi treinado por Mourinho durante 3 épocas no Real Madrid, onde foi peça fundamental na equipa. Mudou-se para a Alemanha, a convite de Guardiola para defender as cores do Bayern de Munique.
Memórias de Madrid

O internacional espanhol Xavi Alonso foi treinado por Mourinho durante 3 épocas no Real Madrid, onde foi peça fundamental.

Mudou-se para a Alemanha, a convite de Guardiola para defender as cores do Bayern de Munique.

Fàbregas

Fàbregas regressou ao Barecelona em 2011 pela mão de Guardiola. Após a partida do treinador espanhol, o médio ficou na Catalunha até 2014 partindo depois para o Chelsea. Aí, encontrou-se com Mourinho.
O médio espanhol fez parte do “tiki-taka” do Barcelona de Guardiola

Fàbregas regressou ao Barcelona em 2011 pela mão de Guardiola.

Após a partida do treinador espanhol, o médio que ficou na Catalunha até 2014, partiu para Londres. No Chelsea encontrou-se com Mourinho.

Schweinsteiger

Formado no Bayern de Munique, Schweinsteiger jogou praticamente toda a carreira neste clube. Todavia as últimas duas épocas, seriam marcadas pelos títulos conquistados sob a batuta de Guardiola. O Manchester United foi a paragem seguinte. Sem brilhar como na Alemanha, o médio cruzou-se com Mourinho na segunda época. Mas foi pouco tempo porque a MLS chamou-o, estando agora ao serviço do Chicago Fire.
O Bayern chegou a homenagear Guardiola com um equipamento “à Barcelona”

Formado no Bayern de Munique, Schweinsteiger jogou praticamente toda a carreira neste clube. Todavia houve duas épocas, que seriam marcadas pelos títulos conquistados sob a batuta de Guardiola.

O Manchester United foi a paragem seguinte. Sem brilhar como na Alemanha, o médio cruzou-se com Mourinho na segunda época. Mas foi pouco tempo porque a MLS chamou-o, para jogar no Chicago Fire.

Gudjohnsen

Em 2004, Mourinho ingressou no Chelsea e encontrou-se com um islandês chamado Gudjohnsen. Pela mão do português, o avançado viveu duas excelentes épocas. Seguiu-se uma aventura de 3 épocas em Espanha com a camisola do Barcelona. Na última que coincidiu com a primeira do treinador espanhol no comando da equipa principal da Catalunha, o Gudjohnsen fez 4 golos em 34 jogos, tendo ganho a Champions.
Londres em memória

Em 2004, Mourinho ingressou no Chelsea e encontrou-se com um islandês chamado Gudjohnsen. Pela mão do português, o avançado viveu duas excelentes épocas.

Seguiu-se uma aventura de 3 épocas com a camisola do Barcelona. Na última que coincidiu com a primeira do treinador espanhol no comando da equipa principal da Catalunha, Gudjohnsen fez 4 golos em 34 jogos.

Eto’o

O camaronês Samuel Eto’o cruzou-se com Guardiola durante uma época no Barcelona (2008/09). Seguiu-se o Inter de Milão com Mourinho (2009/10 e 2010/11), onde construíram uma grande amizade que dura até hoje.
Esta dupla ganhou uma Champions no Inter

O camaronês Samuel Eto’o cruzou-se com Guardiola durante uma época no Barcelona (2008/09). Seguiu-se o Inter de Milão com Mourinho (entre 2009 e 2011), onde construíram uma grande amizade que dura até hoje.

Alexis Sánchez

Alexis Sanchez venceu tudo o que havia para ganhar com o Barcelona de Guardiola. Em terras de Sua Majestade procura fazer o mesmo, agora no segundo clube inglês – o United de Mourinho.
Foram felizes em Barcelona

Alexis Sánchez ganhou tudo o que havia para ganhar com o Barcelona de Guardiola. Em terras de Sua Majestade procurou fazer o mesmo, mas não o conseguiu. Nem quando troucou o Arsenal pelo Man United de José Mourinho.

Pedro

Guardiola e Pedro atentos a um lance qualquer

A segunda época (2008/09) na equipa principal do Barcelona foi orientado por Guardiola. Mantiveram-se ligados até 2012, altura em que o técnico espanhol decidiu sair.

O jogador formado na Catalunha mudou-se em 2015/16 para o Chelsea, onde se encontrou com o “Special One”:

Ibrahimovic

O Rei Ibrahimovic cruzou-se em Itália com o Tio Mourinho, estávamos na temporada 2008/09. A sintonia foi imediata. Porém, foi interrompida. Primeiro pelo Barcelona de Guardiola, onde o avançado sueco não foi feliz. Seguiram-se depois o Milão e o PSG. Mou e Ibra reencontraram-se em 2016, no Manchester United, onde ganharam uma Liga Europa.
Têm uma grande empatia

Ibrahimovic cruzou-se em Itália com Mourinho, estávamos na temporada 2008/09. No Inter de Milão a sintonia foi imediata.

Porém, interrompida. Primeiro pelo Barcelona de Guardiola, onde o avançado sueco não foi feliz.

2016 marca o reencontro no Manchester United, onde ganharam uma Liga Europa.

Se por acaso, faltar algum nome, envia-nos uma mensagem ou comenta este artigos nas nossas redes sociais.

Total
279
Partilhas