Cá estamos nós para falarmos do Cristiano Ronaldo neste artigo sobre alguns momentos marcantes da sua carreira.

A cada ano que passa, este internacional português bate recordes e vai para além do que a imaginação permite.

Nós aqui na bet.pt fomos apreciadores das qualidades e serve esta palavras como uma mera homenagem.

Alguns dados históricos aos 35 anos
Alguns dados históricos aos 35 anos

Momentos marcantes do Cristiano Ronaldo

O primeiro caneco

Aconteceu a 18 de agosto de 2002 num triunfo do Sporting por 5-1 diante do Leixões.

Ronaldo nem saiu do banco. Carlos Carvalhal era o técnico da equipa de Matosinhos.

O 1º jogo como sénior

Aconteceu aos 17 anos, e logo na Liga dos campeões. Laszlo Bölöni, treinador em 2002 do Sporting, lançou-o aos 58 minutos para substituir o espanhol Toñito.

Jogou acabou com um 0-0 diante do Inter Milão onde jogava Zanetti, Vieri e Sérgio Conceição.

O primeiro golo

Aconteceu no dia 7 de outubro de 2002 e foi num jogo com o Moreirense.

Foram dois golos e a “vitima” foi o guarda-redes Roberto Volpato.

Estreia por Portugal

Depois de se ter mudado para o Manchester United, Scolari apadrinhou a entrada deste craque pela equipa das quinas.

Para a história fica o dia 20 de agosto de 2003 e o jogo amigável com o Cazaquistão que serviu de preparação para o Euro2004.

Primeiro campeonato por clubes

Foi ao serviço do Manchester United na época 2006/07.

Seguiu-se depois o título em 2007/08 e 2008/09.

Em Inglaterra ganhou ainda duas Taças da Liga (2005 e 2007), Taça inglesa (2003/04) e uma Community Shield em 2007.

As Bolas de Ouro

São 5 as bolas que o CR7 já arrecadou na sua carreira.

2008, 2013, 2014, 2016 e 2017 marcam os anos destas conquistas.

No video em cima, temos a entrega da terceira e o grito para a história do “SIIIIIIIIIM”.

A seleção portuguesa

Para já, soma 164 internacionalizações e 99 golos.

Quanto a troféus, são dois e com história.

A final do Euro2016 com a França, é inesquecível. Pena foi a lesão que o tirou do jogo aos 25 minutos.

Depois surgiu o Éder que entrou para a vitrine dos heróis nacionais.

O outro troféu ganhou foi a Liga das Nações. Curiosamente a primeira de sempre ganha no nosso país.

Golo Puskas

Quis o destino que fosse marcado a uma equipa portuguesa – o FC Porto, e na Liga dos Campeões.

A ida para o Real Madrid

Foram mais de 80 mil pessoas que o receberam no Santiago Barnabeu.

Em 9 épocas ao serviço do emblema espanhol ganhou tudo o que havia para ganhar tornando-se no melhor marcador de sempre do Real Madrid com 451 golos.

Conquistou 2 La Ligas, 2 Supertaças, 2 Taças do Rei, 3 Mundiais de clubes e ainda 4 Ligas dos Campeões.

Agora na Juventus

Desde 2018 em Turim, já conseguiu o campeonato e a Supertaça na época de estreia tendo já marcando 50 golos em 70 jogos.

Que homem!